Hoje corri… à chuva!

Hoje corri… à chuva!

Há algum tempo que não o fazia. Tinha-me esquecido do bom que é. Resolvi fazer uma pequena lista sobre as razões que me levam a correr à chuva para pôr no espelho da minha casa de banho e nunca mais me esquecer:

    1) QUE A CHUVA NÃO ME PARE
Enquanto corro é bom cruzar-me com pessoas que pensam como eu: Que a chuva não me pare!;

    2) SENSAÇÃO LIBERTADORA
Proporciona uma sensação libertadora, sentimo-nos poderosos, comandantes do nosso barco;

    3) CUMPLICIDADE
Há uma cumplicidade com todos aqueles com que nos cruzamos. Rimo-nos uns para os outros como quem diz: “Ai se eles soubessem o bom que é correr à chuva” OU “Espectáculo! Afinal não sou o único maluco!”;

   4) CAMINHO LIVRE
O caminho é quase todo nosso… e de mais uns quantos “sobreviventes”;

   5) DESAFIAR OLHARES CRÍTICOS
Passamos pelos que se abrigam e esperam que a chuva passe e, em vez de nos sentirmos mal com os olhares de incredulidade, “Grande maluco, a correr à chuva!”, sentimo-nos ainda com mais vontade de correr e mais depressa;

   6) CORRER MAIS DEPRESSA
Corremos mesmo mais depressa até para manter a temperatura corporal;

   7) SUOR, LÁGRIMAS DE ALEGRIA OU CHUVA?
Não sabemos se a água que nos escorre pela cara é do suor, das lágrimas de alegria ou da chuva;

   8) I’M RUNNING IN THE RAIN!
A música torna-se ainda mais motivadora, apetece cantar: I’m RUNNING in the rain;

   9) BANHO DE “PATO”
O banho a seguir ao treino sabe a “PATO”;

  10) CONFORTO E ENERGIA PARA TOOOOODO O DIA!
Não temos frio o resto dia. Há uma sensação  inexplicável de conforto e de energia!

Estas são as minhas razões para nunca mais arranjar desculpas para não correr à chuva.

O meu conselho: Vista um casaco próprio para correr com chuva e vento e VÁ CORRER À CHUVA!

Quem nunca o fez não sabe o que perde!

Boas corridas!

by Inês de Santar